Desde 2009 fomentando a criação

Mistura de tradição e modernidade, este é o conceito do Trapiche Pequeno, espaço de intercâmbio profissional que reúne grandes nomes da indústria criativa local e nacional. São produtoras de audiovisual, de teatro, de dança, de música, profissionais de moda, design gráfico, agencia de promoção e publicidade, empresa de iluminação e maquinaria, arquitetos, fotógrafos, que integram um ambiente moderno e aconchegante. Primeiro prédio a utilizar energia eólica em Salvador, além de fazer uso de energia solar nas áreas comuns, o Trapiche Pequeno está na vanguarda da sustentabilidade.


Contando um linha internet dedicada, o edifício agrega 18 salas de escritórios e um terraço para eventos, com vista para a Baía de Todos os Santos e para o Porto de Salvador, o mais importante das Américas até o século XIX. Localizado em uma das regiões de maiores trocas culturais e mercadológicas dos séculos passados - o Comércio - o projeto do Trapiche Pequeno vislumbrou o potencial do bairro, que está em processo de revitalização. 

 
 

O Trapiche Pequeno é localizado na Rua do Pilar e faz parte do cenário que engloba a Igreja de Santa Luzia, o Plano Inclinado Pilar e o Trapiche Barnabé.